Porta da Estrela
Edição de 02-10-2017
Secções

Pesquisa

Utilidades
Subscrever RSS Subscrever RSS
Arquivo
Inquéritos
Última Hora
Pesquisa Avançada
Futebol
Farmácias
Tempo
Registo
Estatuto Editorial
Ficha Técnica
Assinaturas
Links

Registo

Arquivo: Edição de 15-05-2017

SECÇÃO: Local

Aldeias de Montanha reforçam o posicionamento do “cicling” na Serra da Estrela

Centro de BTT compreende um conjunto de quatro itinerários
Centro de BTT compreende um conjunto de quatro itinerários
O Centro de BTT Seia Aldeias de Montanha é uma infraestrutura de animação permanente vocacionada para apoiar os praticantes de BTT e cicloturismo de montanha. A adaptação da infraestrutura e marcação dos percursos contou o apoio do PROVERE By Nature, no contexto do QREN para a Região Centro.
Este espaço, que tinha inauguração agendada para este domingo, dia 14 de Maio, está instalado na antiga escola primária de Santa Comba, Seia, e disponibiliza balneários e estação de serviço para bicicletas (com máquina de lavagem e enchimento de pneus e mini-oficina), em regime de self-service. Esta infraestrutura destinada a todos os praticantes de BTT vem reforçar a rede de Caminhos de Montanha implementada no concelho de Seia, que contempla mais de 100 quilómetros de percursos pedestres (num total de 14 rotas) e a que se agregam agora os percursos cicláveis, produtos turísticos promovidos pela Rede das Aldeias de Montanha.
A rede de percursos do Centro de BTT compreende um conjunto de quatro itinerários, que abrangem desde o sopé da serra até às zonas de maior altitude, com ligação ao Centro de BTT de Manteigas e à GR 22 - Grande Rota das Aldeias Históricas, também ciclável.
Esta rede de Caminhos de Montanha cicláveis, para além de respeitar os requisitos da Federação Portuguesa de Ciclismo, no que se refere aos diferentes graus de dificuldade, permite um contacto com a diversidade natural e cultural que tão bem diferencia este território de montanha.
Os percursos que agora se disponibilizam atravessam cenários bucólicos, onde as vinhas, além de constituírem um elemento estruturante da paisagem, estabelecem a ligação entre a Serra da Estrela e a cultura vinhateira do Dão, como é o exemplo da Rota da Vinhas.
Também houve o cuidado de assegurar que os caminhos permitissem a passagem pelos campos que são o pasto das ovelhas Bordaleiras da serra, na Rota do Vale do Seia. E, porque a água está também na génese da instalação de um importante conjunto de centrais hidroelétricas, como não poderia deixar de ser um dos percursos conduz os praticantes às principais centrais que integram a “Cascata” da Estrela.
Por fim, e para os mais bem preparados fisicamente, recomenda-se um conjunto de itinerários que oferecem a possibilidade de fruição de algumas das zonas de maior altitude da serra, onde encontrarão não apenas uma paisagem mais agreste e acidentada, mas também alguns dos seus mais emblemáticos locais, como sejam as Penhas Douradas e o Vale do Rossim, respectivamente nos concelhos de Manteigas e Gouveia.
Para a ADIRAM - Associação de Desenvolvimento Integrado da Rede de Aldeias de Montanha esta é uma rede de Caminhos que estabelece «novas rotas de bicicleta, complementadas por percursos pedestres, que têm subjacentes mapas e informação com oferta integrada, representando por essa razão um valioso contributo para criar uma rede de serviços de apoio que melhora a experiência e corresponde às necessidades da procura do produto turístico Cycling & Walking, no qual a Serra da Estrela tem um enorme potencial de crescimento».

Siga-nos no twitter

Úteis

O Meu Jornal

Notícias Relacionadas

Subscreva as nossas noticias via RSS

Consulte os resultados desportivos

Produzido por ardina.com  
© Porta da Estrela - Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.
Email do Porta da Estrela: geral@portadaestrela.com.
  Topo